Notícias

GEIV cumpre missão de Inspeção de ILS no Paraguai

publicado: 26/10/2018 16:49

 




O Grupo Especial de Inspeção em Voo (GEIV), recebeu na manhã desta sexta-feira, dia 26 de outubro, a aeronave-laboratório que cumpriu a missão de inspecionar o auxílio à navegação aérea ILS IPST (Sistema de Pouso por Instrumentos) do Aeroporto Internacional Silvio Pettirossi - localizado em Assunção, Paraguai, sendo o principal aeroporto deste país. A missão em questão faz parte de um Acordo de Cooperação estabelecido entre o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA) e a Direccion Nacional de Aeronautica Civil (DINAC), através do Decreto nº 4.240/2002. O FAB 3603 - Legacy decolou do aeroporto Santos Dumont (RJ) no dia 21 de outubro, com uma equipe de oito tripulantes, sendo dois Pilotos Inspetores, um mecânico, dois Operadores de Sistema de Inspeção em Voo, um Operador de Radiomonitoragem e dois Operadores de Sistema de Posicionamento de Aeronaves. No dia 21 foi realizado o deslocamento para Foz do Iguaçu, onde aconteceu todo o procedimento burocrático de saída do País e, no dia 22, a aeronave seguiu com destino à Assunção, onde a tripulação foi recebida pelo Presidente da Direccion Nacional de Aeronautica Civil (DINAC), Edgar Alberto Melgarejo Ginard; pelo Chefe da Missão Técnica Aeronáutica Brasileira (MTAB) no Paraguai, Coronel Aviador Álvaro Marcelo Alexandre Freixo; e pelo Adido da Aeronáutica no Paraguai, Coronel Aviador Marcello Lobão Schiavo. Para o Major Aviador Bruno Michel Marcondes Alves, Piloto Inspetor do GEIV responsável pela execução da missão, o serviço foi bem sucedido. “Fomos recebidos pelo Presidente da DINAC, demonstrando o reconhecimento da relevância e da qualidade do serviço que fomos prestar”, comentou. No próprio dia 22 iniciaram-se os voos de Inspeção, que se seguiram até o dia 24 de outubro. Ao final da missão, foram realizadas dez horas de voo, sendo cinco de Inspeção propriamente dita. O auxílio teve seu alinhamento corrigido, permitindo ao aeroporto operar novamente em sua capacidade máxima com total segurança. O Auxílio inspecionado trata-se do equipamento em solo que emite sinais eletromagnéticos às aeronaves em voo, informando a elas o correto alinhamento com a pista para realização do pouso por instrumentos, mesmo em condições meteorológicas desfavoráveis. A participação de representantes do Sistema de Controle do Espaço Aéreo Brasileiro (SISCEAB) na referida missão materializa a cooperação existente entre o Brasil e as demais nações da América do Sul, ratificando o papel de liderança do DECEA no cenário da Aviação Mundial.

Fonte: GEIV – 1º Tenente Ivantes Texto: Telma Penteado – ASCOM DECEA Fotos: Luiz Perez