Notícia Destaque

DECEA promove 3º workshop CYBER e SWIM

publicado: 31/05/2019 11:24

 




O Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA) realizou, nos dias 28 e 29 de maio, a 3ª edição do Workshop CYBER e SWIM (do inglês, System Wide Information Management), que visa à interoperabilidade global de dados e informações relacionadas ao gerenciamento do tráfego aéreo (ATM).


O evento, que ocorreu no auditório do Instituto de Cartografia Aeronáutica (ICA), no Rio de Janeiro (RJ), reuniu diversos segmentos da comunidade aeronáutica, como autoridades reguladoras, instituições acadêmico-científicas, usuários do espaço aéreo, indústrias de apoio ao ATM, provedores dos serviços de navegação aérea e órgãos governamentais.

Na abertura, o chefe do Subdepartamento de Operações do DECEA deu as boas-vindas aos participantes e destacou a importância do evento. “O DECEA é um grande prestador de informações e trabalhamos para atender os usuários da comunidade aeronáutica. O SWIM será fundamental para que tenhamos uma base de dados compartilhada para benefício de todos”, enfatizou o Brigadeiro do Ar Ary Rodrigues Bertolino.

Programação


A engenheira cartógrafa Camila Bassetto apresentou uma visão geral do conceito SWIM, conforme proposto pela Organização de Aviação Civil Internacional (OACI), com destaque para a definição, a descrição dos benefícios e a arquitetura. “O SWIM faz referência ao aumento da consciência situacional por meio da troca de informações em tempo real, com garantia da qualidade, integridade e segurança dos dados. É um conceito mundial, que traz mudança de paradigma na prestação do serviço aeronáutico e na segurança da informação”, destacou Camila, que é gerente do Empreendimento SWIM.

Os benefícios incluem maior agilidade na entrega dos serviços, redução de custos, aumento do desempenho do sistema, além de comunicações mais flexíveis e de melhor custo-benefício em função da aplicação de padrões comuns para a troca de informações.

O DECEA é o órgão central para estabelecimento e coordenação dos processos ATM no Brasil, porém o SWIM possibilita que outros provedores de informação tenham papel relevante nos serviços de gerenciamento do tráfego aéreo.

Foram tratados, ainda, os aspectos relevantes de segurança da informação, os desafios e oportunidades tecnológicas no contexto do Programa SWIM, além da apresentação em ambiente prático de aspectos de interoperabilidade por meio da adoção do conceito e estudo de casos de implementação no cenário nacional.

Ao longo da programação, empresas especializadas em soluções de tecnologia da informação para a indústria aérea apresentaram seus projetos alinhados ao conceito SWIM.  “A Boeing procura divulgar a experiência adquirida em outras praças, mas enxerga o grande potencial que existe no Brasil para que se construa um cenário tecnológico e operacional evoluído e, em certos aspectos, com liderança”, relatou o engenheiro Ítalo Romani de Oliveira, representante da Boeing Research & Technology.

O Professor da Universidade de Brasília (UnB) e Pós-Doutor pela University of Calgary (Canadá), Li Weigang, apresentou alguns projetos relacionados ao controle de tráfego aéreo. “O SWIM Registry é a fonte de referência para outras informações relacionadas à interoperabilidade entre serviços, modelos de intercâmbio de informações, infraestrutura e políticas. A iniciativa almeja melhorar a visibilidade e acessibilidade das informações relacionadas ao ATM disponíveis no SWIM”, destacou.

Além das palestras, os integrantes do workshop participaram de uma visita guiada ao ICA, unidade responsável por planejar, gerenciar, controlar e executar as atividades relativas à Cartografia e às Informações Aeronáuticas. Eles conheceram as diversos seções da unidade, onde obtiveram informações sobre a dinâmica dos serviços e do processo de desenvolvimento com o uso de novas ferramentas.

No encerramento, o diretor do ICA, Coronel Aviador Ricardo da Silva Miranda, agradeceu a presença de todos e enalteceu a oportunidade de também fazer parte desse fórum de discussão de questões de interesse comum, além de compartilhar e disseminar o conhecimento sobre o SWIM. “Fazemos parte desse processo. A Gestão de Informação Aeronaútica - AIM (Aeronautical Information Management) é uma célula dessa grande construção, que é o SWIM, e estamos dando os primeiros passos com assertividade. O AIM proporcionará produtos e serviços, da melhor forma possível, para atender a demanda da comunidade aeronáutica”, ressaltou o Coronel Ricardo Miranda.

Reunião do Comitê Técnico sobre SWIM


Com o objetivo de propor um plano para a implementação do conceito SWIM no Brasil, foi realizada, no dia 30 de maio, a 3ª Reunião do Comitê Técnico. Criado por meio da Portaria no 203/DGCEA, de 24 de novembro de 2017, o Comitê tem o propósito de agregar membros da comunidade aeronáutica para o desenvolvimento do tema.

 



O primeiro resultado das atividades do Comitê foi a elaboração da Diretriz, que inclui uma visão geral sobre o SWIM, descreve seus componentes e estabelece critérios gerais a serem observados ao longo dos próximos anos.

Tomada de Decisão Colaborativa


Para o chefe da Divisão de Ciência da Computação do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), professor José Maria Parente de Oliveira, a participação da organização no Programa SWIM é desafiadora e repleta de oportunidades técnicas e comerciais. “Permite colaboração entre os parceiros, além de ter grande relevância para os professores e os alunos de pós-graduação e graduação por trabalharem com problemas reais”, pontuou.

A criação do Comitê foi elogiada, também, pelo chefe da Divisão do Departamento de Planejamento e Gestão da Secretaria de Aviação Civil (SAC) do Ministério da Infraestrutura, Bruno Fonseca Reis, que ressaltou os benefícios da iniciativa. “A SAC é favorável a todos esses avanços que estão pautados pela OACI no sentido de trazer melhorias para a aviação com foco nos passageiros. O Comitê é de suma importância para a troca de conhecimento e para integração entre todos os stakeholders”, afirmou.

Assessoria de Comunicação Social do DECEA

Reportagem: Denise Fontes

Fotos: Fábio Maciel


 

Assunto(s): SDOP SWIM